Oil Lobbing, Portugal. Jornal Expresso

A globalização é paga, a crise mundial atual não é mais que a quantidade de ordenados que as corporações têm de pagar para manter as suas explorações e lucros económicos. Com a maior informação e conhecimento das massas sobre negócio, politica e ambiente, as dúvidas, confrontos e exigências aumentaram no meio da populaça, a utilização da força é evitada, e a educação é aprimorada, isto em países europeus ( e como se têm visto relativo a outros problemas sociais, a violência policial está legal em todo o mundo.)

Universidades, doutores, jornalistas e políticos rastejam atrás das petrolíferas, do seu reconhecimento, apoio, recompensa e cargos. Aprendem sobre a natureza, sobre petróleo, negócios, politica, economia e principalmente como participar no lobbing global para o progresso, tecnologia, globalização, mercado, solidariedade social e muito lobbing.

Em Portugal quando se fala em gás e petróleo as pessoas normalmente recusam acreditar que na “nossa” costa se está a iniciar para ficar e expandir a exploração de gás natural e petróleo. Que os problemas das comunidades que enfrentam as investidas das petrolíferas são delas, e que a nós compete somente zelar pelo bem estar das nossas águas e ar. A independência nacional a ganhar á solidariedade, à verdade e aos povos.

O jornal Expresso é um dos que dedica dinheiro, tempo, e papel para  que principalmente  desde 2012 se possa ler sobre a exploração de gás em Portugal, nos países lusófonos e no mundo civilizado. Basta olhar para o responsável pelos artigos para se perceber até onde vai o poder das corporações, e principalmente o descarado apoio á destruição da auto- sustentabilidade de Portugal em nome do” bem estar” da população, da economia europeia e progresso dos países sub desenvolvidos. Com o que se passa a nível politico, com a corrupção e o “laisse faire”  muitos mais cidadãos reconhecem a necessidade de agir por si. Isto deve ser acompanhado com a proteção do ambiente, animais e de povos “distantes e de outras culturas”.

Abaixo, exemplos de vários artigos no Jornal Expresso sobre a investigação, investimento e leis do petróleo.

Se és dos que pensa que não existe petróleo, nem interesse no investimento, que o mundo precisa de petróleo e que muita vida se detêm e se perde, mas que faz parte.  Abre e descobre que um dia pode ser um teu familiar, uma tua terra, uma tua praia, no teu prato, na tua saúde ou dos teus que o petróleo, o progresso, o trabalho vai  ocupar. E que para eles, tu és como uma pedra, descartável, dispensável e sem direitos em relação aos seus empreendimentos.

Oil Lobbing, Portugal!

Anúncios

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s