Portucel

Assim será o aspecto de 90% do mundo se as corporações não forem paradas. Com Portugal na crise, as grandes empresas investem ainda mais, despedem aqui, contratam lá. Destruem em todo o lado em nome da segurança energética e equilibrio financeiro, entretanto as populações ficam sem espaços realmente verdes, cada vez com menos chão aravel, as águas cada vez mais ao serviço dos investidores, cada vez mais cara para nós. As doenças duplicam, crescem e renovam-se, mas a sua destruição é aceitavel devido à competividade empresarial. O Wise-Use prova ser cada vez mais a olhos vistos ser uma mentira, mas sempre defendida pelo mundo dos negocios.

A Portucel e a Secil são duas “grandes” corporações com vários problemas com os trabalhadores e banca, mas isso não os impede de terem negocios noutros paises, com investimentos recentes. Ambas recebem prémios de sustentabilidade.

Apertam com os trabalhadores, retiram-lhes direitos conseguidos com luta, como se fossem caspa, são reconhecidas pela Europa como elementos importantes na recuperação da economia.

A Portucel abriu com orgulho a sua nova fábrica que vai funcionar maioritáriamente com gás natural e com sua bio massa de eucalipto.

A pergunta é: O que vão deixar para o futuro? Que quantidade vão deixar? A quem vão deixar?

Portucel/Soporcel marca com grande relevo no mercado internacional de pasta e papel é o maior produção de pasta branca de eucalipto. A sua marca Navigator lidera as vendas a escala mundial no segmento premium de papeis de escritório. È líder de mercado no fornecimento de pasta branca de eucalipto, que representa 50% das sua vendas. O grupo é responsável pela gestão de 130 mil hectares de “floresta”. Exporta mais de 90% das suas vendas totais. È também o maior produtor nacional de energias renováveis a partir de biomassa.

O grupo detém 94% de participação no Instituto da Investigação da Floresta e Papel (Raiz), onde se trabalha no melhoramento genético do eucalipto, e na melhoria das práticas de gestão florestal.

O complexo industrial, localizado na Mitrena. A fábrica de pasta de eucalipto fornece 40% da produção. È uma das fábricas importantes da Europa do Sul, tanto em dimensão como em tecnologia. Entre as suas vantagens destaca-se o excelente desempenho energético e tecnológico. Tendo como matéria prima o eucalipto, esta fábrica recorre ao processo “kraft” na produção de pasta de papel.

Referir que o grupo Portucel/Soprocel integra o pólo de competitividade e tecnologia industriais de base florestal, reconhecido formalmente como Estratégia de Eficiência Energética Coletiva de julho de 2009.

O mesmo grupo empresarial que controla a Portucel/soporcel, é também detentor do controle da segunda cimenteira nacional- A Secil.

A Secil fundada em 1930. Assegura mais de 35% das necessidades de cimento em Portugal. A Secil tem fábricas em Setúbal (Secil-Outão), Maceira- Liz (Leiria) e Cibra-Pataias (Alcobaça). A nível internacional está na Tunísia, onde detêm a Ciment de Gabès. Está também presente em Angola, com partecipação de 51% na TecnoSecil, no Lobito. Adquiriu igualmente uma importante partecipaçãp na Ciment de Sibline, no Líbano

As principais acionistas da Secil são a Semana (SGPS), SA e a CRH plc. A Semapa tem como acionista principal a família Queiroz Pereira . Com sede na Irlanda, a CRH plc é um grupo internacional presente em 23 países.

As linhas de fabrico da Secil em Outão que tem uma produção anual de 2 milhões de toneladas de cimentos, o processo é feito por via seca, o que, aliado à possibilidade das suas linhas de fabrico poderem queimar carvão, fuelóleo, gás e “pet-coke”, lhe dá grande flexibilidade, e bons índices de consumo de energia por tonelada de cimento produzido.

Estas informações foram recolhidas neste documento sobre corporações e fundações em Portugal. Um relatório completo sobre as principais riquezas de Portugal, os verdadeiros donos das emprezas “portuguesas”, seus negócios no estranjeiro e muitas supresas…

CORP. SA:   13 – Cartas_Regionais_vol_4

Advertisements

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s